Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Cade veta aquisição do Hospital Regional de Franca pela Unimed Franca

Notícias

Cade veta aquisição do Hospital Regional de Franca pela Unimed Franca

Ato de Concentração

Concentrações resultantes da operação ultrapassam 80% do mercado
por Assessoria de Comunicação Social publicado: 03/04/2013 16h30 última modificação: 22/03/2016 12h48

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica – Cade reprovou, na sessão de julgamento desta quarta-feira (3/4), a aquisição, pela Unimed Franca, do controle do Hospital Regional de Franca, em São Paulo, e do seu plano de saúde, o “Regional Saúde”.

O presidente do Cade, Vinicius Marques de Carvalho, apresentou voto-vista no qual destacou resultar da operação concentrações que ultrapassam 80% do mercado de serviços médico-hospitalares e de planos de saúde – individuais e coletivos – em Franca e nos municípios da região. As preocupações de ordem concorrencial também incluem altas barreiras à entrada e baixa rivalidade.

De acordo com o presidente, o objetivo do pedido de vistas do processo (Ato de Concentração nº 08700.003978/2012-90) foi tentar negociar um Termo de Compromisso de Desempenho – TCD com as partes para evitar que a operação fosse vetada em sua totalidade. No entanto, após dois meses de negociações, não foi possível estabelecer um acordo satisfatório. 

“Na impossibilidade de tal acordo, a reprovação da operação se coloca como inevitável”, afirmou. O Tribunal, por unanimidade, aderiu à decisão. 

O conselheiro relator do processo, Elvino de Carvalho Mendonça, votou pela reprovação do ato de concentração, durante sessão de julgamento realizada em janeiro deste ano. O julgamento do caso foi suspenso pelo pedido de vistas do presidente. Um parecer emitido pela Superintendência-Geral do Cade em outubro do ano passado já havia recomendado que a operação fosse reprovada.