Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Estão abertas as inscrições para o PinCade

Notícias

Estão abertas as inscrições para o PinCade

Intercâmbio

Interessados terão até 8 de novembro para se candidatar às vagas do programa de intercâmbio
por Assessoria de Comunicação publicado: 07/10/2019 18h34 última modificação: 07/10/2019 19h09

Estão abertas até o dia 8 de novembro as inscrições para o Programa de Intercâmbio do Conselho Administrativo de Defesa Econômica, o PinCade. Ao todo, serão ofertadas 20 vagas, sendo 15 para alunos de graduação e cinco para pós-graduandos. A quadragésima edição do programa acontecerá entre os dias 20 de janeiro e 14 de fevereiro.

Durante esse período, os intercambistas terão a oportunidade de vivenciar o cotidiano da autarquia, exercendo atividades práticas orientadas nos gabinetes dos conselheiros, na Superintendência-Geral, no Departamento de Estudos Econômicos, na Procuradoria Federal Especializada junto ao Cade e na Diretoria de Administração e Planejamento.

Além disso, os estudantes selecionados participarão de um curso sobre defesa da concorrência, ministrado por integrantes do Sistema Brasileiro de Defesa da Concorrência e por professores especializados em temas ligados à atuação do Cade.

Ao final do intercâmbio, os participantes deverão produzir artigo acadêmico, critério determinante para a conclusão do programa. Também serão avaliadas a assiduidade, pontualidade e qualidade do trabalho realizado nas unidades da autarquia.

O PinCade tem como objetivo estimular o diálogo entre o meio acadêmico e as autoridades brasileiras de defesa da concorrência. A iniciativa é uma forma de incentivar a produção acadêmica nessa área e contribuir com a formação dos participantes. Desde a primeira edição, em 1999, mais de 400 estudantes já participaram do programa.

Seleção

Poderão concorrer às vagas do Pincade estudantes das mais diversas áreas, especialmente dos cursos de ciências jurídicas, ciências econômicas, relações internacionais, administração e gestão de políticas públicas.

Para a seleção, é obrigatório preencher formulário de inscrição pelo site do programa, bem como apresentar currículo, carta de motivação, dissertação, documentos de identificação pessoal e comprovante de matrícula ou de vínculo com instituição de ensino superior. Os documentos devem ser anexados conforme as exigências do edital.

O processo seletivo buscará aprovar candidatos com grau de excelência para o desempenho das atividades previstas. Se atendidos os requisitos acadêmicos e profissionais previstos no edital, o Cade levará em consideração a representatividade das cinco regiões do país e a equidade de gênero na escolha dos intercambistas.

Para mais informações, confira o edital do programa.