Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Superintendência sugere segundo acordo em ato de concentração da nova lei

Notícias

Superintendência sugere segundo acordo em ato de concentração da nova lei

ACC

ACC na aquisição da MACH pela Syniverse segue para o Tribunal do Cade
por Assessoria de Comunicação Social publicado: 03/05/2013 18h00 última modificação: 03/05/2016 12h12

A Superintendência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica – Cade, em decisão publicada nesta sexta-feira (03/05) no Diário Oficial da União, recomendou ao Tribunal do Cade a aprovação da aquisição da empresa WP Roaming III S.A.R.L. (MACH) pela Syniverse Holdings, Inc (AC nº 08700.006437/2012-13), condicionada à assinatura de um Acordo em Controle de Concentração – ACC.

Para a Superintendência, a operação, notificada em outubro de 2012, resultaria em concentração elevada nos mercados de GSM data clearing e Near Real Time Roaming Data Exchange (NRTRDE), que são serviços de tecnologia prestados a empresas de telecomunicação móvel. O GSM data clearing é utilizado pelas operadoras para realizar a cobrança de roaming, que ocorre quando um usuário de um aparelho móvel se conecta a uma rede diferente de sua rede doméstica. Já o NRTRDE é um serviço que permite detecção de fraudes de roaming que possam gerar prejuízos às operadoras ou aos seus clientes.

Para sanar as preocupações concorrenciais detectadas, as empresas estrangeiras Syniverse e MACH propuseram ao órgão antitruste a assinatura do ACC em que se comprometem com determinadas obrigações para afastar eventuais efeitos anticompetitivos da operação. O conteúdo da proposta será mantido confidencial até o julgamento do caso.

O parecer da Superintendência recomendou a aceitação do acordo, que segue agora para análise do Tribunal do Cade, responsável pela decisão final. De acordo com a nova lei de defesa da concorrência (Lei 12.529/11), casos nos quais houver recomendações de restrição ou acordo devem ser apreciados pelo Tribunal Administrativo do Conselho.

Este é o segundo Acordo em Controle de Concentrações – ACC apresentado ao Cade desde a entrada em vigor da nova lei. Na última sexta-feira (26/4), um acordo proposto pelas empresas Ahlstrom Corporation e Munksjö AB (AC nº 08700.009882/2012-35) também foi remetido ao Tribunal do órgão, com parecer favorável da Superintendência-Geral. Na antiga norma (Lei 8.884/94), esse tipo de acordo era feito na forma de Termo de Compromisso de Desempenho – TCD.